Como esquecer uma má recordação?

Na última década investigadores têm procurado entender se existem mecanismos cerebrais capazes de provocar o esquecimento de uma determinada situação por vontade própria. Agora, cientistas britânicos concluíram que existem pelo menos dois mecanismos eficazes para o fazer. “Este estudo mostra pela primeira vez a existência de dois mecanismos que conduzem ao esquecimento intencional”, diz em comunicado Roland Benoit, da Universidade de Cambridge, que liderou o estudo, publicado numa das últimas edições da revista Neuron.

Estas duas estratégias que permitem esquecer memórias desagradáveis são, opostas umas à outra. A primeira consiste no bloqueio da memória quando ela surge; a segunda fomenta a substituição de uma memória por outra mais agradável, cada vez que recordamos o episódio que nos atormenta. O grande objetivo das duas estratégias é evitar que esta má recordação se torne consciente.

Os investigadores recorreram à ressonância magnética funcional para ver o que acontecia no cérebro durante a utilização de cada uma destas abordagens. Neste caso, os participantes no estudo, que tinham começado por memorizar certas associações entre pares de palavras, tentavam a seguir esquecer essas associações quer através do seu bloqueio, quer da sua substituição.

Os investigadores puderam confirmar que as duas estratégias são igualmente eficazes — tanto uma como a outra resultaram efectivamente num esquecimento.

Fonte: http://evoluciencia.blogspot.pt/search?updated-max=2012-11-01T06:51:00Z&max-results=5

Categorias:Notícias Tags:Esquecer Formação Paula Tomás Consultores PTC

Partilhar esta Publicação

Comentar

*