Utilizar a PNL para Melhorar a Relação com o Doente

A relação entre o médico e o paciente é fundamental para que sintamos confiança em expor uma determinada situação. Quanto mais forte a relação com o médico, maior o nível de confiança, compromisso e responsabilidade. Com esta ação de formação, será possível desenvolver competências necessárias para que a relação com seus os pacientes decorra de forma eficaz, através da utilização da PNL.

Objetivos Gerais

  • Desenvolver competências para estabelecer com o doente uma relação de confiança

Objetivos Específicos

  • Compreender os fenómenos de relacionamento interpessoal e os paradigmas da comunicação humana
  • Desenvolver a flexibilidade de adaptação no relacionamento com o doente e praticar o bom aconselhamento
  • Desenvolver a capacidade de influência, utilizando as técnicas adequadas para melhor estabelecer uma relação de confiança e segurança

Próxima Edição:
09/11/2017 - Lisboa
Duração:
2 dias / 14 horas

Destinatários

 

Médicos, enfermeiros e profissionais de saúde que lidem diretamente com doentes.

Itinerário Programático

 

Compreender os fenómenos de relacionamento interpessoal e os paradigmas da comunicação humana

  • O processo de comunicação e o seu impacto no relacionamento humano
  • O poder da comunicação na influência do comportamento futuro do doente
  • A dimensão inconsciente da comunicação e os seus pontos de apoio: o olhar; postura corporal; voz e respetivas entoações; linguagem adaptada

Desenvolver a flexibilidade de adaptação no relacionamento com o doente e praticar o bom aconselhamento

  • Conhecer melhor o doente e a forma como ele recebe, organiza e transmite a informação
  • A técnica da calibragem para a leitura do não verbal
  • A técnica da sincronização para criar uma relação empática
  • A utilização do meta-modelo da linguagem para colocar as questões pertinentes e aceder à informação não dita

Desenvolver a capacidade de influência, utilizando as técnicas adequadas para melhor estabelecer uma relação de confiança e segurança

  • Transmitir no mesmo canal, reforçar os argumentos e garantir o bom entendimento
  • Utilizar as metáforas e as formas de comunicação indireta para influenciar, persuadir, gerir as situações difíceis e criar estados positivos
  • A ressignificação e a alteração do significado e valor atribuído às diferentes situações
  • Utilizar as técnicas de PNL para influenciar com integridade e promover a adesão, por parte do doente

Metodologia

 

Será utilizada uma metodologia ativa e participativa com realização de simulações de situações próximas do quotidiano dos médicos, utilizando os produtos a promover. Serão utilizados exercícios pedagógicos que permitem aos participantes vivenciar os conceitos e técnicas apresentadas.

Valor

 

350 € + IVA por participante

Cursos Agendados

ÍnicioCursoLocal
09/11/2017 Utilizar a PNL para melhorar a relação médico/doente – novoPré-Inscrição Lisboa